Meu carrinho de compras
Carrinho Vazio
16/11/2022

Práticas de consumo sustentável para sua empresa

De acordo com a Organização das Nações Unidas (ONU), o consumo e produção de bens ao redor do mundo continua utilizando recursos naturais com impactos destrutivos para o planeta. De fato, esse é exatamente o Objetivo do Desenvolvimento Sustentável nº 12 (ODS 12), elaborado pela Onu: Garantir a produção e o consumo responsável.

 

Paralelamente, segundo levantamento realizado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), cerca de 98% das indústrias brasileiras adotam pelo menos uma atitude sustentável, enquanto 63% pretendem ampliar os investimentos nessa área nos próximos anos.

 

Muitas pessoas acreditam que é necessária uma grande revolução no negócio, ou até mesmo investir uma fortuna para mudar os processos. No entanto, com pequenas práticas, já é possível fazer uma grande diferença.

 

Com isso em mente, criamos este conteúdo exclusivo onde trazemos algumas práticas de consumo sustentável para sua empresa, de modo que ela possa se posicionar como uma referência verde no seu nicho. Confira!

 

1. Estimule a coleta seletiva

Conforme dados coletados em um levantamento realizado pelo portal G1, apenas 2% de todo o lixo é reciclado no Brasil. A meta é que até 2024 até 14% do volume seja destinado corretamente.

 

Os maiores desafios estão na falta de investimento público na área, e também a não conscientização da população sobre o tema. Porém, esse é um dos hábitos mais simples de ser adotado e que pode fazer uma grande diferença para o planeta.

 

Grande parte das cidades não conta com um sistema de coleta seletiva efetivamente estruturado. Portanto, a sua empresa tem duas opções.

 

Pode separar o lixo orgânico do lixo reciclável, sempre prestando atenção em manter o reciclável limpo e sem resíduos orgânicos, e contar com a coleta seletiva do seu município.

 

Outra alternativa é fazer a separação de plástico, metal, papel, vidro, óleo e orgânicos, fechando parcerias com empresas especializadas. Essas, por sua vez, normalmente pagam por peso de dejetos recolhidos.

 

2. Reduza o consumo de descartáveis

Para a Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos (ABRELPE), o Brasil elimina cerca de 720 milhões de copos plásticos por dia, somando 100 mil toneladas somente desse resíduo em um ano.

 

Ainda, estima-se que apenas 9% de todo o plástico produzido no mundo desde a sua invenção, tenha sido devidamente reciclado. De fato, são poucas as usinas de reciclagem no país, o que dificulta o descarte adequado. Portanto, a melhor estratégia é reduzir o consumo.

 

Novamente, há uma série de caminhos que a sua empresa pode adotar. Uma delas é fornecer copos de vidro para os seus colaboradores, ou ainda, incentivá-los a levar uma garrafinha de casa para se hidratar durante o dia.

 

Se, no seu caso, os processos produtivos envolvem o uso de plástico, saiba que há no mercado alternativas biodegradáveis a um custo similar ao tradicional. Mesmo que na sua região essa não seja uma realidade, saiba que o brasileiro está disposto a pagar mais em marcas com práticas sustentáveis (Forbes).

 

3. Pratique um uso eficiente da água

A água é o recurso natural mais importante para a vida na terra. Certamente você já sabe disso. No entanto, muitas empresas deixam de tomar o devido cuidado, justamente por não conseguir visualizar maneiras de reduzir o seu consumo.

 

Hoje em dia a indústria produz maquinário e equipamentos que possuem a capacidade de operar com menos água do que as versões anteriores. Da mesma maneira, existem sistemas de captação de água que podem suprir a demanda do seu negócio.

 

Paralelamente, é preciso pensar em uma política de gestão de recursos hídricos. Isso envolve não apenas o uso consciente, mas também o tratamento e descarte adequado. Afinal, toda a água que entra no seu fluxo produtivo, precisa sair em algum lugar, e sem o devido tratamento, haverá um impacto ambiental que pode, inclusive, levar a sanções judiciais.

 

4. Utilize papel de maneira racional

A impressão de relatórios, textos, contas e boletos é um dos grandes vilões quando falamos na geração de lixo por empresas. Por exemplo, um boleto é impresso apenas para ser pago e descartado em seguida. Concorda que essa é uma prática insensata?

 

Estima-se que para produzir uma tonelada de papel, gasta-se cerca de 870 kWh, sendo um dos maiores consumidores de energia da malha nacional.

 

Atualmente, com a tecnologia, a maior parte desses documentos não precisa ser impressa. Tudo pode estar armazenado em sistemas dedicados ou até mesmo na nuvem. Quando realmente for uma necessidade, busque sempre optar por papel reciclado ou até mesmo por rascunhos quando não for um documento importante.

 

5. Adeque-se às leis ambientais

Certamente o Brasil é um dos países com a maior complexidade legislativa e tributária para se abrir e manter uma empresa. No entanto, essas regras precisam ser seguidas para garantir a segurança jurídica do seu negócio.

 

A legislação ambiental brasileira é um exemplo para diversos países desenvolvidos mundo afora. Mesmo com tantas regras, ela é uma boa diretriz sobre práticas sustentáveis que podem ser adotadas.

 

Acredite, apenas seguindo essas orientações e se adequando ao que diz a lei, a sua empresa dará um grande passo rumo à sustentabilidade. Além, é claro, de estar protegida legalmente e poder acessar selos e certificados importantes na área.

 

6. Invista em energia solar

O acesso à energia limpa e renovável é o ODS 7 da ONU. Trata-se de uma luta para garantir que toda a população não seja mais dependente de fontes de energia altamente poluidoras ou que modifiquem ecossistemas.

 

A energia solar é a maior representante desse movimento, afinal, a luz do sol é inesgotável e capaz de mover toda a economia nacional.

 

Uma das grandes barreiras é justamente o fato de as pessoas acreditarem que os equipamentos são caros ou até mesmo inacessíveis. Porém, com a evolução tecnológica, se tornaram mais baratos e eficientes, com o investimento se pagando, em média, em 5 anos.

 

Nós somos especializados em energia solar e podemos ajudá-lo a estruturar o seu projeto, de modo a disponibilizar a infraestrutura necessária para garantir o fornecimento adequado e ininterrupto para a sua empresa.

 

Acesse a nossa página e compreenda como a energia solar pode ajudá-lo a dar mais um passo rumo ao futuro sustentável do seu negócio!