Energia Solar e água fresca para o gado

Como em todos os anos, no mês de julho, a estiagem já chegou em grande parte do Brasil, e muitos criadores de gado começam a ficar preocupados com suas pastagens.

Na estiagem aumenta a necessidade de consumo de água para o gado criado a pasto, devido a alimentação com matéria mais seca o gado bebe mais água nesta época.

A Escasses e o efeito sanfona

Quando o gado bebe menos água que o ideal, seu desempenho pode ser prejudicado, convertendo em prejuízo para o criador.

A disponibilidade de água ao animal também pode ser limitada pela localização dos pontos de água na pastagem, fazendo com que o animal tenha que se deslocar uma distância maior, dificultando também o consumo. A verdade é que longas caminhadas para acesso à água vão resultar em uma queda no consumo do pasto, e isso gera o indesejado efeito sanfona, o gado ganha peso em determinado período e perde em outro.

Além da quantidade o criador também deve se preocupar com a qualidade da água, reservatórios naturais são mais propensos a contaminação e crescimento de algas que alteram o sabor da água e faz com que o animal também consuma menos. Além disso águas paradas podem afetar a saúde do animal através de verminoses,

A energia solar é uma opção vantajosa para fornecer água para o gado, com um custo relativamente baixo, pode se bombear água para pastagens onde não há energia elétrica mas possuem fontes de águas com qualidade, e ainda utilizar boias de nível nos bebedouros, mantendo a água sempre renovada.

A Solução para o criador ter agua de qualidade a baixo custo

A Energia solar oferece a grande vantagem de ser utilizada em conjunto com poços artesianos, assim o poço pode ser perfurado em locais estratégicos na fazenda sem a necessidade de levar uma rede elétrica até o local ou instalação de gerador, pois o sol garante a energia no local e seu acionamento de forma automática todos os dias.

Com todas essas vantagens é possível utilizar pastagens na fazenda que antes eram sub utilizadas por falta d’água, e ainda melhorar a qualidade da água consumida pelo gado obtendo melhores resultados no rebanho.

 O sistema de bombeamento solar funciona de forma simples, bastando apenas o uso de painéis solares e uma bomba d’água, a água é bombeada durante o dia armazenada em reservatórios para ser consumida pelos animais em qualquer hora do dia.

Os sistemas de bombeamento solar, podem atender qualquer porte de rebanho. Os sistemas mais comuns são de bombeamentos de até 30.000 a 50.000 litros de água por dia, podendo chegar a qualquer quantidade desde que a fonte de água possa suprir a demanda.

Um sistema com 50.000 litros de água por dia, pode fornecer água para mais de mil animais.

O sistema de bombeamento solar também funciona em dias nublados.

Para saber mais, consulte a Energia Total, pelo telefone 65-3665-0858, e solicite um orçamento de acordo com as suas necessidades.

Deixe seu comentário.